Plugando cabos e outras coisas.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Plugando cabos e outras coisas.

Mensagem por John em Qui Fev 26, 2015 3:38 am

Sendo o maior viciado em internet e computador da minha rua, acabei me tornando uma espécie de quebra-galho da vizinhança.

-O que foi, querida? Sem internet de novo? Eu disse pra não deixar os gatos dentro de casa, menina, eles fazem uma confusão dos diabos. - minha tia, no celular, já andava rumo ao meu quarto. Bateu na porta e falou, de fora mesmo. Sua voz alta e incômoda se ouvia de longe.

Pedro Lucas! Vai na casa da Rebeca ver a internet dela!

Rebeca era uma morena gostosa. Cabelos cacheados e olhos grandes e redondos, ambos bem pretos. Tinha 36 anos, morava no fim da rua e era formada em Enfermagem. Enfermeira por muitos anos, largara os plantões pelo marido, e agora cuidava de idosos durante o dia. O marido era tripulante de um navio e ficava fora por semanas ou meses. Eu fantasiava como aquela mulher devia ser solitária. Seus seios eram médios e já começavam a cair, mas era curvilinea e sensual. Desci pela rua imaginando aquela mulher.

-Rebeca! Oi! Eu vim ver a internet!

-Ah, entra. Acho que os gatos se enrolaram ali dentro, parece que tá tudo solto. - Ela estava vestida num short no meio das coxas e uma blusa.

Entrei e fui ao seu quarto ver o problema. Era coisa simples. O cabo que ia para o roteador tinha se soltado. Coloquei de volta e tava tudo certo.

-Pronto, já ajeitei. Vou usar um pouco para testar, ok?

-Certo. Eu vou já aí ver.

Abri o computador e mexi um pouco. Fuçando, encontrei uma pasta chamada "minha putona". Nela, fotos e videos de Rebeca nua e transando com seu marido e outros caras. Ao ver aquilo, fiquei logo de pau duro. Peguei o pen drive no bolso e pensei em copiar. Antes que pudesse ter qualquer reação, ela entrou no quarto. Eu fiquei sem reação.

-Você gosta disso? Pode dizer, não se envergonhe. Meu marido gosta, ele traz outros caras pra me comer. Ele filma e guarda aí. Ele tem tesão em me ver dando pra outros caras.

-Dona Rebeca, eu...

-Olhe, não se desculpe. Eu to vendo que seu pau tá duro. Você tá com tesão? Quer me ver nua? Meu marido tá longe, relaxa. Te dou uma cerveja se quiser.

Ela tirou a blusa e sacudiu os peitos.

-Tenho certeza que você adoraria me comer. E eu to doidinha pra dar. Mas eu não sou nenhuma puta. Não vou te dar de qualquer jeito. Vem cá.

Me puxou pra cama e abriu minha calça. Tirou minha pica pra fora e foi direto chupando. Lambeu de baixo até em cima, retirando a pele e passando a lingua na cabeça

-Só uma rapidinha. Ficou em pé em cima da cama e tirou o resto da roupa. Virou a bunda pra mim e ficou de quatro, abocanhando meu pau. Empurrou minha calça pra baixo e me olhou por entre as coxas.

-O que ta esperando? Chupa minha buceta!

Ainda um pouco constrangido, comecei a lamber e chupar a buceta dela, que estava recém raspada, com os pelinhos nascendo. Percebendo que eu a chupava, ela acelerou. Fiquei nervoso e comecei a ofegar. Ela tirou o pau da boca e disse:

-Tá nervoso? já vai gozar? Então goza na minha boca, vai gatinho...

N durei muito mais. Empurrava meu pau na sua boca ate que n aguentei e esporrei, enchendo ela com meu leite. Ela levou um minuto para cuspir a porra e limpar a boca, mas logo estava por cima de mim de novo.

-Agora é sua vez.

Eu n sabia o que fazer.

-Vem cá. Eu ensino. Chupa aqui e enfia o dedo aqui.

Fiz como ela mandou, mamando em seus seios e enfiando os dedos em sua bucetinha. Ela colocou a mão em cima da minha e acelerou o movimento. A xaninha úmida se encharcou e logo ela estava mordendo o travesseiro e gemendo. Mais forte, mais forte até desfalecer. Soltou minha mão e se deixou cair na cama.

-Ai, que delícia, rapaz... Meu marido nunca me faz gozar assim. Agora se veste, sua tia deve estar preocupada já.

Me vesti as pressas e ia saindo.

-Esqueceu de nada não? Seu pendrive.

Voltei e peguei o chaveiro com o pendrive. Nua e deitada na cama, ela sorria, batendo com a mão na xaninha.

-Vem cá e dá um beijo nela. Logo deixo você meter essa pica nela.

Dei uma chupada na buceta dela e saí sem acreditar. Chegando em casa, minha tia me perguntou.

-E então, o que era o problema?

-Os cabos tavam soltos. Tive de plugar um monte de coisas. - respondi, com um sorriso.

John
Admin

Mensagens : 4
Data de inscrição : 25/02/2015

Ver perfil do usuário http://luxuriaaquatromaos.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Plugando cabos e outras coisas.

Mensagem por A_bacante em Qui Fev 26, 2015 3:46 am

Conserta aqui meu computadoooorr Rolling Eyes

A_bacante

Mensagens : 2
Data de inscrição : 25/02/2015

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum